Terça, Agosto 22, 2017

Qualidade de vida

As escolhas que você faz para o seu dia a dia determinam a sua qualidade vida. A forma de você se alimentar, exercitar, trabalhar e cuidar das emoções influenciam o seu bem estar. Por isso, é importante saber que, mesmo que a rotina mude com o tratamento oncológico, você pode fazer escolhas que mantenham sua qualidade de vida. Todas essas questões podem ser auxiliadas com aconselhamentos e grupos de apoio direcionados aos pacientes com câncer.

Emoções
Você vai se sentir aliviado ao finalizar o tratamento. Foi um caminho longo percorrido, muitas vezes doloroso física e emocionalmente. Muitas vezes você ficou em dúvida se conseguiria e a depressão pode fazer parte dessa caminhada. Você pode se sentir angustiado(a) e ver esse sentimento em seus familiares e amigos. Não desanime nunca! Em todo momento desse processo de tratamento, recuperação e superação da doença você tem como compartilhar esses sentimentos e buscar auxílio na equipe de psicólogos que estão à disposição dos pacientes com câncer. Há tratamento individualizado e para a família. Existem grupos de apoio aos pacientes e também familiares. Procure ajuda para você e para sua família. Conheça pessoas que estão passando pelos mesmos problemas que você. Compartilhe! E verá sua caminhada ficar mais leve.

A vida continua...
O que acontece após o tratamento de câncer? É difícil não se preocupar com a volta do câncer. Por isso, pode levar um tempo para que a sua confiança em sua recuperação comece a aparecer e parecer realidade e, assim, seus medos sejam de alguma forma aliviados. No fim percebe-se que tanta luta e tanta dor trazem outros benefícios. Afinal, vencer é superar limites, é a própria reforma interior, é o fortalecimento. Ter fé na recuperação leva à grande vitória: o crescimento e a valorização de cada momento da vida! Esse é o caminho dos corajosos!!!

“Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar... porque descobri, no caminho incerto da vida, que o mais importante é o decidir.” Cora Coralina.